Wednesday, August 31, 2011

senhor vago

senhor vago by chambredonan-

Meu nome é Vago.
Senhor Vago, para os amigos!

Inesperadamente, tornei-me um descalabro transcendental.
Fui expulso dos céus a pique e em queda livre.
Sou a prova concreta e evidente da magia ausente:
Houdini vesgo e de costelas quebradas,
prêt-à-mourir, (meio aplauso, três mil gargalhadas).
Uma caravana manca de ideias sequestradas.
Um faroeste fofo.
Um cavalinho de palha.
Um saloon de Earl Grey.
Uma metáfora desterrada.
A plena ausência de prosa.
Todos os minutos de silêncio
em memória de todos os soldados desconhecidos
que nunca leram um poema.
A essência do póstumo e da epígrafe.
Tenho olhos de papiro,
costas de bula papal,
em cada palavra um tiro,
mãos de guerra mundial.
Sou viril; fecundei o mar.
Ah, como estes peixes pregam p´ra mim!

No comments: