Friday, November 12, 2004

o poema preferido de Onan

A BOCA

"em espessura do tempo feito infindo
em amor me feria dilatava
a boca era um leito um orgão de lava"

Luiza Neto Jorge

Comentário Onanista: amo este poema como amo a ideia do próprio amor


No comments: