Sunday, December 08, 2013

talvez

talvez amar muito seja
ficar embevecido quando se descobre dois caroços de pêras abandonados
dentro da chávena que abandonada ficou em cima da mesa 
talvez amar muito seja
achar isso a coisa mais ternurenta do mundo
talvez amar muito seja
este simples pensamento imediato 
(que precede a elaboração desta composição):
olha, o meu amor comeu duas pêras! 

No comments: