Thursday, December 22, 2005

é quase natal

é quase natal, bahhh.
não posso fumar nem comer coisas muito sólidas; o dente mau foi finalmente com os porcos. foi ontem. tenho andado a blédina. gosto muito de blédina, nem me importo. blédina de maçã e também de maçã com morango e banana. ainda estou a tomar uma data de comprimidos.

natal: ir para o algarve no dia 24 e chegar mesmo quase à hora do jantar de natal. voltar no dia 25 para ter ensaios no dia 26 de manhã. vale a pena isto tudo? por mim não, mas é para não deixar a família triste. detesto o natal.

estou muito cansado mas estou feliz.

não tenho muito mais tempo para escrever. estou com fome, vou comer o terceiro blédina do dia. que seca, este ano nem vou poder esticar-me muito na gula (parte mais interessante do natal): em primeiro lugar, por causa da extracção recente do dente mau e, em segundo lugar, tenho de perder uns seis quilos até à estreia da laranja. já engordei desde o início dos ensaios; muita comida de restaurante de bairro e muito pouco tempo para me dedicar a ter uma dieta mais equilibrada. agora tenho de atinar. diga-se de passagem, já não posso ver batatas fritas, bifes, arroz e demais "iguarias" à frente. bacalhau, eu quero é bacalhau.

vou começar o ano a trabalhar, isso é que vai ser. espero que seja um bom augúrio e que me vaticine, assim, o novo ano com muito e rentável trabalho.

aos caros leitores que me têm na lista telefónica:

meus querid@s,

escusam de me enviar sms's a desejar bom natal e ano novo e etc. eu não aprecio o gesto, devo admitir. para já, são todas massificadas, muitas repetidas e em nada personalizadas e, por outro lado, deixam-me sempre com algum remorso por não responder. recuso-me a responder, lamento. tenho mais que fazer e prefiro gastar dinheiro com outro tipo de mensagem. lamento mas esse tipo de solidariedade, que apenas favorece as operadoras telefónicas, muito pouco me apraz. por isso, poupem os cêntimos das sms que me seriam destinadas e enviem uma a alguém com uma mensagem realmente sentida, personalizada e reconfortante. declarem-se.

cheers, comam muito, amem-se e ofereçam-se uns aos outros.

2 comments:

miguel said...

é só pra mandar beijos e abraços ao teu dono, onan. e sôdades

Anonymous said...

E se em vez de ser por sms, for via comentário no blog? Bom trabalho, bons ensaios e um 2006 no mínimo melhor que 2005.

Abraços,

Filipe.