Thursday, May 19, 2005

anti-prolegómenos da pura arte do estar (a base)

a liberdade é uma ferramenta e tem de ser usada com o máximo de leveza e visão.
o artista da pura arte do estar é um ser plural e multirealizado e a liberdade é o instrumento básico do seu trabalho.
a pura arte do estar é uma ciência do ser e tem como método a procura do olhar amante do mundo.
é fundamental que o artista da pura arte do estar perceba que é a liberdade que é a ferramenta, não o olhar amante do mundo. o olhar amante do mundo é apenas um mero sucedâneo da liberdade. o olhar amante do mundo é a consequência. o olhar amante do mundo é a quimera. o usofruto da ferramenta é a própria pura arte do estar em si. a pura arte do estar ocorre no pleno, sereno e descomplexado uso da liberdade.
o artista da pura arte do estar tem o universo como laboratório e a própria vida como suporte.
o artista da pura arte do estar tem como missão deixar que o mundo não perca a sua ironia idiossincrática. o artista da pura arte do estar é o antídoto para o lado envenenado do mundo. o tempo é a ligação que arde mas cura.

No comments: