Monday, August 01, 2011

um poema escrito há precisamente dez anos (e agosto aqui está, uma vez mais)

um poema escrito há precisamente dez anos (e agosto aqui está, uma vez mais) by chambredonan

Pois,

hoje tirei a tarde para escrever.

Agosto à tarde e

se não estou a morrer estou, no mínimo, a tentar não enlouquecer.

Agosto:

o mês de todos os pânicos, todas as fobias, todas as doenças.

Eu em Agosto sou pior.

Eu em Agosto sou um deus menor.

Eu em Agosto declaro uma guerra ao suor.

Eu em Agosto sou o oposto da cor.

Eu em Agosto sou vassalo da dor.

Eu em Agosto sou amante do bolor.

Eu em Agosto recuso o sabor.

Eu em Agosto sou incolor.

Eu em Agosto sou violado pelo calor.

Eu em Agosto sou um péssimo cantor.

Eu em Agosto faço e desfaço o amor.

Eu em Agosto sou um ovo por pôr.

No comments: